julho/18
16

Beyond the gates – by Larissa Dias

Publicado por

Preocupada não só com com a formação acadêmica de seus estudantes, mas também com a educação profissional, Barnard oferece o programa “Beyond the gates”. Essa é uma iniciativa interessante para quem quer obter conhecimento das mais variadas formas e não só através dos livros. Okay, vou explicar como funciona: toda quarta-feira o Summer in the city não tem aula. Ao invés disso, temos palestras ministradas pelos mais diversos profissionais das mais variadas áreas que podem acontecer dentro ou fora do campus. Todas semanas nós podemos escolher uma dentre várias opções de palestras de acordo com o nosso interesse e essa é uma ótima oportunidade para trocar uma ideia com quem já está no mercado de trabalho e decidir qual área você irá seguir. Ah, quase ia me esquecendo. O traje “business casual” é exigido como forma de demonstração de respeito ao espaço profissional e é também a situação perfeita para ganharmos experiência em como se vestir formalmente.

Na primeira semana, eu me inscrevi para a palestra da “freelance blogger” Austen Tostone, uma escritora com anos de experiência em diversas revistas, entre as mais famosas estão Nylon e Cosmopolitan. Ela nos contou como foi a transição da sua antiga vida no interior para Nova Iorque e como tudo mudou de uma hora para outra. Também narrou um pouquinho sobre sua trajetória por conta própria agora que não trabalha mais para revistas, mas apenas em seu website e Instagram. Essa foi uma ótima palestra para quem queria saber mais sobre como é ser seu próprio chefe, como conciliar trabalho e vida pessoal quando as duas parecem ser a mesma coisa, para quem curte moda e pretende fazer algum dinheiro com isso, entre outros temas.

Na terceira semana, já que a segunda foi dia quatro de julho, dia da independência, me inscrevi para conhecer um pouco mais sobre o Joyce Theater. Quem nos recebeu foi a simpatissíssima Heather McCartney, diretora de projetos escolares e familiares do teatro. Ela nos levou em um tour pelo “backstage”, nos mostrou onde os artistas se preparam, onde ensaiam até chegarmos no palco onde acontecem as apresentações. Logo após, nos concentramos na sala de reuniões para conversar sobre a história do Joyce Theater, como surgiu, seus eventos mais marcantes e também sobre o que ele oferece hoje à sua comunidade. Além disso, pudemos conversar com a Nadia, uma estagiária no teatro que é universitária em Barnard para entender mais sobre a importância dos estágios, tirar dúvidas sobre “application”, como é estudar dança e fazer um “double major”. Para quem se interessa por dança, teatro, música, produção de eventos e programas educacionais através da arte, foi uma experiência enriquecedora.

Na próxima semana pretendo ir ao Brooklyn Academy of Music para entender mais sobre o centro de performance artística mais antigo dos Estados Unidos. Além de teatro, dança e música o espaço também é conhecido pelas suas exibições cinematográficas. Uma ótima oportunidade para quem se interessa por carreiras no campo das artes visuais e entretenimento. Infelizmente, esse vai ser o último Beyond the gates, mas com a carga de conhecimento que eu já carrego devido a essas duas palestras que tive a chance de participar já estou satisfeita, porém feliz que ainda tem mais uma para complementar.

 

Por Larissa Dias, bolsista do Ganhar o Mundo

 

#EuVouGanharOMundo #GanharOMundo #FundacaoCSN  #BarnardCollege